Duas Irmãs, Uma Paixão

Tipos de Gêneros dramáticos: Drama
Veja Rio
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

Um dos maiores equívocos nas indicações ao Oscar 2015 foi a Alemanha ter selecionado Duas Irmãs, Uma Paixão para concorrer à estatueta de melhor filme estrangeiro. Resultado: ficou fora da disputa. A trama começa em 1787 narrando a separação de Charlotte (Henriette Confurius) e Caroline von Lengefeld (Hannah Herzsprung), irmãs órfãs de pai. Enquanto Charlotte é enviada pela mãe a Weimar para aprender boas maneiras com a madrinha, Caroline arranja um casamento de conveniência para sustentar a família. Charlotte se encanta com o poeta Friedrich Schiller (1759-1805), papel de Florian Stetter, mas ele joga charme para Caroline. Elas, então, fazem um trato: dividir o mesmo amante e jamais se separar. Se pensou num triângulo amoroso escandaloso para o século XVIII, tire o cavalo da chuva. A história, além de careta, arrasta-se por anos, tem lances folhetinescos e produção de época com jeitão de telessérie. Estreou em 19/3/2015.

    info
  • Direção: Dominik Graf
  • Duração: 138 minutos
  • Recomendação: 14 anos
  • País: Alemanha/Áustria/Suíça
  • Ano: 2014
Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s