Bem Perto de Buenos Aires

Veja Rio

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

Cinco países produziram um dos mais anêmicos trabalhos vindos da vizinha Argentina. Além de o mote (a luta de classes sociais) estar bem surrado, há vários personagens que entram e saem do drama sem explicações. Dá para indicar que o protagonista é Pola (Jonathan Da Rosa), um jovem de poucas palavras e expressão nula, que transita entre dois “mundos”: ele mora na periferia de Buenos Aires, mas trabalha num condomínio de classe média alta, também no subúrbio. Primo portenho do pernambucano O Som ao Redor, o longa-metragem tem a boa intenção de tentar fazer a radiografia de uma cidade dividida pela desigualdade econômica, mas afunda-se na pretensão e no tédio por causa de um roteiro inconsistente. Estreou em 26/2/2015.

    info
  • Direção: Benjamin Naishtat
  • Duração: 79 minutos
  • País: Argentina/França/Alemanha/Uruguai/Catar
  • Ano: 2014
Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s