• Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Resenha por Pedro Moraes

No período Cretáceo, ali entre 145 e 65 milhões de anos atrás, não tinha para mais ninguém: o carnívoro Pycnonemosaurus aterrorizava os demais habitantes da região onde se encontra o Estado de Mato Grosso. Uma réplica do bicho, com 6 metros de altura e 13 de comprimento, destaca-se na exposição Arte com Dinossauros. A mostra, no Museu Nacional, dedicada a espécies encontradas no Brasil, tem quarenta peças, entre esculturas e ilustrações do paleoartista Maurílio Oliveira. Ele constrói os modelos com blocos de espuma de poliuretano e massa epóxi orientado por estudos de oito pesquisadores, seus colegas na instituição.

Publicidade

Publicidade